Tiririca afirma que deputado ‘trabalha muito e produz pouco’

Tiririca, o mais votado em 2010

Após o primeiro ano de mandato na Câmara, o deputado federal Francisco Everardo Oliveira Silva (PR-SP), o Tiririca, o mais votado do país na eleição do ano passado (1,3 milhão de votos), afirma que terminou 2011 “feliz”, depois de um começo “difícil para caramba”. Ele fez campanha pedindo voto aos eleitores sob o argumento de que “pior que está, não fica” e dizendo que não sabia o que fazia um parlamentar.

Em entrevista ao portal G1, Tiririca afirmou que, em um ano, aprendeu o que é a atividade parlamentar e fez “três amigos que são amigos mesmo” dentre os 513 deputados da Casa.

“Quando eu cheguei, nos primeiros meses, foi difícil para caramba. Foi tudo muito novo para mim, complicado. Fui pegando o jeito e hoje estou tranquilo. Estou até feliz. Eu pensei que no começo iam me tratar diferente, fiquei com medo de que dissessem: ‘É artista, tem nariz empinado’. Mas viram que sou humilde. Tenho até feito amizade. Tenho três amigos que são amigos mesmo”, contou o deputado federal mais votado do Brasil nas eleições de 2010.

Apesar de se dizer satisfeito com as novas amizades, Tiririca diz não ter “nenhum espelho” no Congresso. “Não tenho ídolo na política. Eu admiro muito o Lula e confio muito na presidente Dilma”, afirmou. 

O deputado diz que o primeiro ano de mandato foi “muito positivo” e que seu principal foco são os projetos de profissionalização da atividade circense. “Estou fazendo um barulho grande. Estou gritando, e isso é muito bom. E as pessoas estão ouvindo. Fico feliz com isso.”

Perguntado sobre a afirmação da campanha eleitoral de que não sabia o que um deputado fazia, ele disse que agora aprendeu. “Você quer ouvir o que faz um deputado? Trabalha muito e produz pouco. Não porque não queira produzir. O sistema da Casa é engessado por interesses políticos, partidários, é muito engessado.”

Sobre o bordão “pior que está não fica”, ele disse ser “complicado” afirmar se o Congresso pode ou não piorar. “É complicado. Não sei [se pode piorar]. Eu sou brasileiro e torço para que melhore. Eu sou brasileiro, tenho fé em Deus.”

Extraído de:  http://www.noticiasdeurucui.com.br

Lei do silêncio e o pinto pequeno.

A visão do equipamento do abusado não é o mesmo das mulheres

Há despeito de no Brejo existir uma Lei de Silêncio (Municipal) e que não vem sendo cumprida, pois somos constantemente bombardeados com poluição sonora, gerada por veículos de publicidade e particulares que circulam por nossas ruas e avenidas com o volume de seus equipamentos acima dos permitidos por Lei.

Em rápida consulta  na internet achei vários artigos sobre o assunto, que são verdadeiras “perolas”  que  nos fornece uma visão sobre o ego  dos perturbadores do sossego público.

No blog Divas respondem encontrei  o pensamento das mulheres sobre o assunto, veja que interessante:

PINTO PEQUENO: COMO IDENTIFICÁ-LO ANTES DA HORA H

Boa tarde queridas leitoras! Nós divas sabemos que pinto pequeno é um tabu, não só para os homens, mas para nós mulheres! É claaaaaaaaaro que o importante não é o tamanho da vara e sim a magia que ela é capaz de fazer… Mas vamos combinar que é uma situação cômica! Você conhece umc ara interessante, rola um clima, vão para os finalmente, mão daqui, beijo dali, e no melhor da festa, você se depara com um cotoco!!! Vem a tona um sentimento de piedade misturado com uma imensa vonta de rir, somados a uma quase incontrolável vontade de correr, pois se trata de uma cilada Bino… (rá!).

E para que vocês, queridas leitoras, não tenham que passar por essa terrível e temida situação, aqui vai um guia prático para que vocês possam identificar esse “tipinho” sem precisar estar cara a cara com o dito cujo!
1º Carro turbinado, com neon, porta-malas lotado de caixas de som e tá sempre ouvindo musica (normalmente musica ruim) num volume altíssimo.
Ele usa o carro como um complemento ao pinto, acredita que desta forma vai pegar mulheres gostosas e que elas não vão reparar no tamanho do seu pênis porque ele tem um carrão.  Visite o site e leia mais

Outro interessante pode ser lido  na integra em: http://www.blogpaedia.com.br/2010/03/10-razoes-para-voce-odiar-som.html     

1) Porque idiotas que precisam de música tocada no limiar da dor* para se auto-afirmar, devem ter pinto pequeno.

2) Porque qualquer música, mesmo que fosse o cântico dos anjos, se torna insuportável quando tocada a 120 decibéis* embaixo da sua janela.

3) Porque tunadores nunca morrem, o que contrariaria a Lei de Murphy**.

4) Porque há poucos ladrões de som automotivo, pelo menos eles não frequentam a sua rua, o que também contrariaria a Lei de Murphy.

5) Porque, como pode ser considerado em perfeito juízo um cara que torra quase todo o seu salário e muitas vezes o valor do carro em equipamentos de som automotivo?

6) Porque você está em casa tentando descansar e não consegue ouvir nem seus pensamentos.

7) Porque quanto mais o tunador fica surdo, pior se torna a situação de quem ainda não ficou.

8) Porque, se num acesso de fúria você partir para cima do tunador, é muito mais provável que você morra, segundo a lógica da Lei de Murphy.

9) Porque a polícia sempre faz corpo mole, alegando o direito sagrado das pessoas de irem e virem e fazerem o que bem lhes aprouver.

10) Quando você descobre que o único direito que lhe resta é o JUS ESPERNIANDIS***.

* Limiar da dor sonoro: 120 dB [Som ao Vivo].

** Lei de Murphy: se algo tem probabilidades de dar errado para você, certamente dará, em outras palavras, a corda sempre estoura no lado mais fraco, o seu.

*** JUS ESPERINANDIS: direito ao livre esperneio – ou o direito de ir reclamar ao Papa, é o que resta ao cidadão de bem que, teoricamente, deveria ter o silêncio garantido como um direito básico da pessoa humana.

Convêm os abusados repensarem suas atitudes, e parem de enganar a se mesmo porque as mulheres, não é mais possível. 

 

 

 

 

 

 

E agora Zé o que vou dizer para as crianças!

Recebi com surpresa as críticas do jornalista Flávio Leão e do vereador Denílson Silveira acerca do calçamento de bloquetes que a nossa administração está realizando em alguns bairros da cidade. Dizem que é um método atrasado. Muito me admira, pois é exatamente o contrário o que estão dizendo os ecologistas e pessoas preocupadas com a sustentabilidade do planeta… (texto extraído do Blog do Zé publicado em 18 de fevereiro de 2011  sob o titulo de: As vantagens do calçamento de bloquetes,  Leia o texto completo em : http://blogzemario.blogspot.com/ )

Meses atrás em uma conversa informal com meus filhos, procurava mostrar-lhes a importância em sermos enérgicos na preservação do meio ambiente, para podermos ter uma vida “suportável” no futuro. Lembro-me bem que falamos sobre pavimentação que impermeabiliza o solo e outros efeitos maléficos que nos impõe seu uso, modéstia à parte meus filhos são inteligentes e possuem enorme poder em absorver conhecimentos e são incrivelmente capazes em discernir sobre certo e errado quando questionados ou mesmo por suas próprias observações das coisas. Por ironia do destino e pelo fato exposto eu pergunto: E agora Zé o que vou dizer para os meus filhos? Você entrou em contradição ao escrito no seu blog e está colocando o entulho de asfalto  retirado da reforma da BR no parque dos namorados, transformando o parque em deposito de lixo o que contraria todas as normas ambientais que o senhor mesmo apregoa em seu blog e agride um parque ambiental e sinceramente não sei como vou justificar perante meus filhos  essa agressão a natureza.

Boca Livre custou R$ 400,00 por cabeça

quem paga o 0800?

Jantar de R$23,9 mil é oferecido em homenagem ministro César Asfor Rocha, ex-presidente do Superior Tribunal de Justiça em recepção para 60 convidados ofertado pelo presidente do Senado Federal José Sarney na residência oficial do Senado

O alto custo por pessoa estimado em R$400,00 chamou a atenção, segundo informações do site Contas Abertas há uma série de irregularidades no processo de licitação como no caso das firmas Sweet Organização de festas e a Pop Festas que curiosamente ficam no mesmo conjunto comercial, no bairro Lago Sul, em Brasília e ambas disponibilizam o mesmo número de telefone para clientes.

Após a noticia de a farra ser veiculada no Contas Abertas, um comunicado oficial foi divulgado dizendo que o senador José Sarney devolverá o gasto total com o custo da recepção aos cofres públicos.

Francisco Sá: Homo sapiens com 400 mil anos pode ter sido descoberto

Uma equipe de cientistas  políticos da Universidade Tabajaras fez  um levantamento em prefeituras brasileiras e anunciou ter descoberto vestígios  de secretários com mais de 400 mil anos na prefeitura de Francisco Sá (MG), idênticos  a outros vestígios do homem moderno ou homo sapiens encontrados no pais.

É muito excitante chegar a esta conclusão, disse o prefeito local, ao que parece, fez uma avaliação do atual secretariado e parece que vai fazer um Upgrade  para empossar secretários mais eficiente, já que os estudos realizados pelos cientista revelou que a maioria dos mesmo estavam ultrapassados ou obsoletos.

A comunidade brejeira espera ansiosamente pelo anuncio dos nomes dos modernos secretários que poderão ajudar o prefeito a colocar o Brejo no rol das administrações engajadas no século XXI. Resta agora a confirmação da descoberta.